6 opções de pós-graduação na área da Saúde para você considerar

8 minutos para ler
Compartilhe -

Investir em uma pós-graduação na área da Saúde é uma decisão a ser tomada após receber o diploma do ensino superior. Mas, para fazer uma escolha acertada, é importante analisar bem o mercado, a fim de identificar quais são os campos mais promissores.

Conforme o Ministério da Educação, atualmente, o Brasil conta com uma média de 120 mil estudantes na pós-graduação e dentre as especialidades bastante procuradas estão as Ciências da Saúde.

Esses dados mostram como grande parte dos estudantes continuam investindo em especializações, mesmo depois de terem concluído a graduação. Desse modo, quem fica de fora tem muito a perder. Portanto, a dica é começar a pensar em qual curso escolher e onde estudar!

Para auxiliá-lo nessas questões, trouxemos alguns pontos que devem ser analisados na hora de tomar as decisões. Confira!

Quando começar a pós-graduação?

Você estudou muitos anos para conquistar o tão sonhado diploma e, agora, surge uma pressão em relação aos próximos passos. Esse é um cenário comum na vida de quem acabou de se graduar. Afinal, o objetivo é conseguir um bom trabalho na sua área de formação e poder colocar todos os conhecimentos adquiridos em prática, certo?

Porém, com a grande concorrência para preencher as vagas de emprego disponíveis, ter apenas o diploma de graduação pode não ser suficiente. Além de a maioria das empresas buscarem profissionais mais especializados, quem dá continuidade aos estudos tem maiores chances de alavancar a carreira e receber salários melhores. Por isso, considerar uma pós-graduação na área da Saúde é bastante indicado.

Para não perder tempo e conseguir se inserir no mercado mais rapidamente, o ideal é iniciar a especialização logo após finalizar o ensino superior. Mas, antes disso, tire um momento para analisar as suas preferências e avaliar em qual área pretende construir a sua carreira, — levando em conta suas habilidades, suas preferências e, também, as oportunidades de trabalho.

Esse processo é importante para que você possa ter a certeza de qual especialidade deseja seguir e diminua as chances de fazer uma escolha equivocada. Afinal, há opções muito diversificadas, cada uma com suas especificidades que requerem conhecimentos até mesmo além da profissão.

Por exemplo, se você gosta de ajudar as pessoas e, ao mesmo tempo, se adapta bem à pressão do setor emergencial de um hospital, uma especialização em Emergências Médicas pode ser bastante interessante. Porém, se você tem uma preferência por pesquisas e deseja entender mais sobre a parte de medicações, vale a pena conhecer o curso de Farmácia Oncológica e Hospitalar.

Por que se aperfeiçoar?

O fato de a saúde ser um dos direitos básicos garantidos por lei exige que o profissional dessa área tenha um comprometimento ainda maior com o seu trabalho. Afinal, a todo tempo, novas doenças são descobertas, assim como novos tratamentos e técnicas, sendo necessário atualizar-se constantemente para desempenhar bem a função.

Além da vontade de aprimorar os conhecimentos, a busca por uma pós-graduação na área da Saúde ainda envolve, como dissemos, o quesito mercadológico. Ou seja, quanto mais você avança na sua qualificação, mais autoridade você adquire e melhor o seu currículo é recebido pelos profissionais recrutadores. Consequentemente, a possibilidade de conquistar o cargo e remuneração desejados aumenta consideravelmente.

Quais pós-graduações na área da saúde existem?

É muito comum que as pessoas se questionem: mas, quais seriam as opções de pós-graduação na área da Saúde? Afinal, esse é um campo bem vasto e é normal que muitas delas acabem optando pelas opções mais populares. Porém, aí se encontra um dos principais erros. Investir em cursos de especialização para áreas menos concorridas pode oferecer o diferencial que você precisa e ajudá-lo a ocupar a vaga de emprego desejada mais facilmente.

Mas, afinal, quais seriam essas opções? Confira, a seguir, 6 delas!

1. MBA Auditoria & Qualidade em Sistemas de Saúde

Auditar procedimentos de saúde não é algo fácil. Afinal, a atividade requer um profissional dinâmico, metódico, atento aos detalhes, às legislações e às normas. Desse modo, o curso MBA Auditoria & Qualidade em Sistemas de Saúde visa preparar auditores dedicados à segurança dos pacientes, levando em conta as evoluções tecnológicas e os critérios do Ministério da Saúde.

2. MBA Gestão em Organizações de Saúde, Hospitais & Clínicas

Gerir uma organização de saúde exige extrema dedicação. Isso porque é necessário oferecer um atendimento de qualidade tanto aos pacientes quanto aos demais colegas de trabalho. Organizar setores como o jurídico, financeiro, administrativo e marketing de hospitais e clínicas são algumas das possibilidades para esse profissional.

Desse modo, quem investe no curso de MBA Gestão em Organizações de Saúde, Hospitais & Clínicas deverá atuar com base nas leis que versam sobre organizações sociais, além de parcerias com o poder público e o Sistema Único de Saúde.

3. Nutrição Clínica, Estética Esportiva e Prescrição de Fitoterápicos

A área da nutrição é bem ampla e possibilita o profissional realizar desde atendimento clínico a atividades ligadas ao campo estético, esportivo ou fitoterápico. Nesse contexto, a proposta do curso de Nutrição Clínica, Estética Esportiva e Prescrição de Fitoterápicos é desenvolver um especialista inovador e que domine a prescrição de fórmulas específicas, a fim de garantir a manutenção da saúde.

4. Neuropsicologia

A saúde psicológica também é tão importante quanto a do restante do corpo. Por isso, voltado para os graduados em Psicologia, o curso de Neuropscilogia permite que o especialista desenvolva habilidades para atuar na área de diagnóstico, até o ramo de pesquisa que envolva cognição, emoções, personalidade e comportamento. Seu foco principal tende a ser no sistema nervoso, nos processos psíquicos e nas possibilidades de avaliação neuropsicológica.

5. Farmácia Oncológica & Hospitalar

Pensar nos medicamentos também é essencial quando se trata de saúde. Por isso, pós-graduações envolvendo farmacologia são uma ótima opção para profissionais que pretendem se especializar e entender melhor sobre o armazenamento, controle e distribuição dos medicamentos.

Essa assistência é de suma importância, tanto para hospitais, quanto para clínicas, ainda mais quando o foco é oncológico. Para garantir a conformidade com as leis vigentes na área, o curso de Farmácia Oncológica & Hospitalar considera os mecanismos de assistência especificados pelo Ministério da Saúde, a fim de aprimorar a prestação do serviço e a gestão dos produtos. É importante ressaltar que, desde 2016, é preciso ser pós-graduado para atuar com oncologia, conforme o Conselho federal de Farmácia.

6. Emergências Médicas

Quando se fala em agilidade na área da Saúde, é comum que se pense no setor de emergência das instituições. Para se preparar para a rotina intensa, é muito importante que o profissional se capacite constantemente, a fim de trabalhar o autocontrole em todas as situações e saber qual é a melhor forma de atender cada paciente. O foco da pós-graduação em Emergências Médicas é preparar especialistas qualificados para garantir a saúde e a vida, seguindo os protocolos e assegurando a excelência.

Parar de se especializar não pode, nem deve, ser uma opção, afinal, a sociedade precisa de profissionais capacitados e atualizados para trabalhar em uma área tão importante quanto a da Saúde. Além disso, é preciso pensar no seu sucesso, já que, quanto mais qualificado, maiores são as chances de atingir o ápice em sua profissão.

Com as diversas opções de pós-graduação na área da Saúde, não há motivos para interromper sua jornada. Com uma análise pessoal, não se torna difícil encontrar qual a especialidade mais se adéqua ao seu perfil e iniciar essa nova jornada!

Se ainda restou alguma dúvida sobre os cursos para profissionais da Saúde, entre em contato com a Dalmass agora mesmo e conheça um ensino de qualidade!

Posts relacionados

Deixe uma resposta