Você sabe o que é Balística Forense?

3 minutos para ler
Compartilhe -

A Balística Forense, estuda as armas de fogo, sua munição e os efeitos que são produzidos, sempre que tiverem relação com infrações penais, com o intuito de esclarecer e provar seu uso. O ramo da balística forense é responsável pela realização dos exames periciais abaixo relacionados:

Exame de eficiência:  verifica se a arma de fogo é eficiente para a realização de disparos. Os procedimentos periciais iniciam pela identificação da arma, descrição de suas característica, avaliação de sua estrutura, testes de eficiência e avaliação dos resultados.

Exame metalográfico: Este exame destina-se a recuperação das numerações de série destruídas. A metodologia utilizada consiste em polir a área a ser investigada e em seguida aplicar os reagentes químicos apropriados para a revelação da numeração.

Exame de comparação: O exame de comparação balística visa estabelecer a conexão entre a arma de fogo e o projétil, entre a arma e o estojo, entre projéteis e entre estojos. O procedimento pericial adotado segue rotina padronizada no Brasil e no Exterior, com o emprego de um moderno microscópio comparador auxiliado por processo de captura de imagens permitindo a análise em vídeo de alta resolução.

Exame de segurança: Este exame é utilizado quando se busca identificar se os mecanismos de segurança da arma de fogo questionada estão eficientes,  esclarecendo assim, as dúvidas quanto a possibilidade de disparos acidentais.

Veja aqui alguns dos procedimentos realizados em locais onde houve disparo de arma de fogo:

  • Defina a natureza e as características da(s) marca(s) do(s) impacto(s).
  • No local foi encontrado o objeto que deu origem ao impacto?
  • É possível saber se esse objeto é proveniente de arma de fogo, de arma de pressão, de arma de arremesso ou outro?
  • No local foi(ram) encontrado(s) outro(s) vestígio(s) (encamisamento, estojo, espoleta) de que tenha(m) ocorrido disparo(s) no local?
  • Pelas características dos vestígios encontrados, é possível estabelecer o calibre da munição utilizada no evento?
  • É possível estabelecer o número de disparos que ocorreram no local?
  • É possível estabelecer a trajetória do objeto que deu origem ao impacto?

Para saber mais como se tornar um especialista em Perícia Criminal & Ciência Forense, acesse nosso Curso.

Fonte:http://www.igp.sc.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=75&Itemid=85

Fonte 2:Manual de Orientação de Quesitos da Perícia Criminal

Posts relacionados

Deixe uma resposta